segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Dilma: Em vez de agradecimentos, agressões aos veículos de comunicação.


Até a Globo que blindou o PT durante doze anos entrou na porrada ontem, no discurso de agradecimento de Dilma. Porrada verbal, claro. Com a Veja foi diferente. Pancada física foi o que ocorreu. Vejam os lábios dela. Nada diferente de uma cobra. O gosto de sangue era evidente. Motivo? Bonner ousou lhe perguntar o que perguntou aos demais candidatos. O PT não tolera liberdade, menos ainda a de expressão.
Esperem mais. Isso não é o fim. O que essa turma defende é privilégios. As esmolas para fazer a diferença nas urnas custam pouco. O preço da democracia é muito mais elevado para quem paga as duas contas.
Não temam pela Globo. Já estão todos acertados na intimidade. Tanto a TV quanto o PT precisavam se passar por vitimas. É assim que funciona no bolivarianismo: Liberdade e democracia de mentira e liberdade de imprensa idem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário