terça-feira, 21 de outubro de 2014

A CRISE: Sarney e Renan agradecerão uma nova chance.


Vive enganado quem quer ou se beneficia do esquema montado em Brasília. O fato é que o País está atolado numa crise e só um novo governo pode enfrentar esse furacão devastador de riquezas, economias e esperanças.
As prefeituras, logo elas que de mais perto enfrentam e cuidam dos problemas, estão à míngua, devedoras de salários e de serviços, e sem ter onde nem a quem recorrer para sair da miséria instalada por Dilma.
As incertezas só serão incertezas até 26 de outubro. Dando Aécio, virão as mudanças e a esperança ressurgirá. A classe média, motor da economia, voltará a comprar e a girar. Assim, em poucos meses, tudo voltará à normalidade.
Dando Dilma, a classe média, já sabedora que é sempre chamada a pagar a conta, se retrairá. Não haverá consumo além do básico. E o básico não gera impostos, não tem valor agregado, não gera empregos bem remunerados. Resultado: com seis meses de desânimo e depressão econômica, o Brasil não aguentará e todas as camadas sociais darão apoio ao golpe do PMDB de Renan Calheiros, culminando com o encerramento de uma CPI, que desta vez não vai terminar em pizza, mas sim, na substituição de uma presidente eleita por um vice não testado, mas que, aos olhos da maioria, representará o fim de uma crise.
Portanto, vote logo em Aécio e eleja para governar aquele que você escolheu para votar.
Renan Calheiros e Sarney, os chantagistas, agradecem encarecidamente se você votar em Dilma. É prato cheio para eles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário