quinta-feira, 31 de março de 2011

Desemprego em alta. Salvador campeã; Recife vice.

O desemprego na Região Metropolitana de Salvador subiu de 13,6% em janeiro para 14,3% em fevereiro, segundo a Pesquisa de Emprego e Desemprego, divulgada pelo Dieese nesta quarta-feira (30), informa o Bahia Notícias. Entre as sete regiões metropolitanas pesquisadas, a capital baiana amarga o título de ‘campeã do desemprego’. Em segundo lugar vem Recife, que teve em fevereiro uma taxa de desemprego de 13,9%, contra 13,5% em janeiro.

No Distrito Federal, a taxa passou de 12,6% para 12,7%. Em Belo Horizonte e Fortaleza, o desemprego variou de 7,7% para 7,8% e de 8,5% para 8,6%, respectivamente. Em Porto Alegre, a taxa se manteve estável em 7,3%. O desemprego em São Paulo subiu de 10,5% para 10,6%, taxa quase igual ao conjunto das sete regiões metropolitanas, que estava em 10,4% em janeiro e foi a 10,5% no mês passado.

Curiosidade de leitores na caixa de mensagem: "Esse blog é de Ronaldo Lacerda?"

Esta pergunta do título é a mais deletada na caixa de mensagens. Tenho pouco tempo e pouca paciência para ler, aprovar ou rejeitar e depois deletar ou publicar comentários. Principalmente porque algumas pessoas gostam de ser bem diretas, deixando rastros. Já reconheci acima que meu tempo é pouco para moderar o blog. Os que postam mensagens de carinho e os que metem bronca às vezes se irritam. Compreensível. Mas não tenho auxiliares. Sou único aqui. Voltando à pergunta lá de cima: "É Ronaldo Lacerda que faz o blog?". Contei as perguntas, os elogios e insultos. Já passaram de mil. Em Araripina é assim. Mil em cada mil fazem essa pergunta já respondendo: É! Então chegou a hora de começar a me preocupar com uma resposta a essa pergunta inquietante? Vou responder em etapas, só um pouquinho agora. Espero soltar a carga mais tarde. Mas, primeiro, vou pesquisar. Vou saber se Lacerda é capaz dessas coisas. O que sei de antemão é que Ronaldo Lacerda éNegrito dono de farmácia, engenheiro agrônomo e Promotor de Desenvolvimento Rural do município. Portanto, não é jornalista. Sei também que já foi proprietário e editor do Jornal Voz do Sertão. Por quase uma década, pegou no pé de políticos do município e do estado. Há registros de que um dos mais famosos quase fez calo definitivo na mão ao acordar sonhando que rasgava todas as edições do sempre lembrado "Voz do Sertão". "Numa única noite acordei dez vezes sonhando que rasgava aquele maldito jornal", confessou o ilustre certa vez. Bom. O Brasil conhece a história de Carlos Lacerda, jornalista do Rio de Janeiro que governou o Estado da Guanabara e também foi senador. Com seu Jornal Tribuna da Imprensa, emparedou de tal forma o ditador Getúlio Vargas que este decidiu guardar zinabre no peito(com todo respeito que a história exige). Carlos Lacerda, portanto, enfrentava o ditador mais duro e apegado ao poder que o Brasil já conheceu, sempre de peito aberto, assinando o que escrevia. Considerando que o Meu Araripe é um blog anônimo, pode ele ser editado por um Lacerda? Melhorando a pergunta: Um Lacerda se negaria a assinar o que escreve por medo de mostrar a cara? Ou de alguém? Ronaldo Lacerda colocou a cara a tapa por longos dez anos no Jornal Voz do Sertão. Teria alguma justificativa agora se encastelar no anonimato? Está sendo governado por filhos e esposa? Não tenho resposta ainda. Mas pesquisando sobre a família Lacerda cheguei a outras informações curiosas, para comparações. O bravo brasileiro que capturou Solano Lopez, governante do Paraguai, na guerra de mesmo nome, foi José Francisco Lacerda. Pegou o paraguaio arrancando-o o saco com um certeiro golpe de lança na verilha. O soldado gaúcho João Soares veio em seguida e terminou o serviço. Pergunta pertinente: Ronaldo Lacerda tem coragem sequer para afastar uma mosca morta do lugar? Ainda não tenho a resposta para a pergunta de mil leitores. Na falta dela, vou me contentar em postar as fotos de Carlos Lacerda e José Francisco Lacerda. O primeiro, que tinha coragem de mamar em onça e escreivia o Trinuba da Imprensa nas barbas de Getúlio Vargas. O segundo, que arrancou o 'recurso' de baixo do líder paraguaio Solano López, dando a vitória da Guerra do Paraguai ao Brasil. Fazer um bloguinho de açúcar desses não é nada se comparado ao que narrei acima. Mas nem por isso o blogueiro vai desanimar com sua insignificância. Não arranjei ainda os motivos para correr com medo de algum Getúlio ou de algum Solano da atualidade. Não vou correr. Sou valente no meu esconderijo! Proseguirei na busca do nome do titular do Blog Meu Araripe. Na hora que encontrar coragem para entrar em seu esconderijo, faço a foto e jogo na rede. A qualquer momento. Ou nunca, se a bota ficar borrada. A foto acima é do jornalista Carlos Lacerda; a de baixo mostra em destaque Francisco Lacerda, o homem que deu a vitória na Guerra do Paraguai ao Brasil. Este parece com o 'acusado' de fazer o blog? De uma coisa eu tenho certeza: o barbudo da esqueda é o ex-presidente Lula. Desde 1865 ele já gostava de confusão.

Triste país

E o Brasil virou o país das quadrilhas montadas por políticos para roubar a merenda escolar das crianças, como em Alagoas (primeiras-damas de vários municípios, de vários partidos, foram presas), em São Paulo( na cidade de Jandira do PSDB e do PT, onde um prefeito foi assassinado e o outro foi preso em flagrante) e em todo o Brasil (programa Segundo Tempo, do Ministério dos Esportes do PCdoB).
Sabe o que está faltando nessa notícia? Informar que peixes graúdos foram presos. Entenda por peixe graúdo: dono de empreiteira, senador, ministro do Supremo, ministros do TCU, deputados federais, etc....
Político de município é como boi de piranha. Entra na água para sangrar e fazer a festa do cardume, enquanto a boiada passa ao lado em disparada. A boiada grande é a de Brasília, ou a dos mais requintados palácios estaduais, ou ainda das prefeituras de capitais. Prender prefeitinho é atirar só com pólvora para enganar eleitor.

Devolve já, DEM.

É impressionante. Depois de vários deputados do Democratas acusarem Kassab de roubar o domínio JK na internet, corneteando a não mais poder no twitter, o DEM acaba de roubar os domínios PSD e outros, que estavam registrados pelo prefeito, provisoriamente, com o CGC do diretório do partido em São Paulo. Cabe uma manifestação imediata de José Agripino Maia, presidente do DEM, informando que está devolvendo a marca do novo partido. Sob pena de, novamente, a meia dúzia que destruiu o partido conspurcar ainda mais o que sobrou dele. O eleitor do velho DEM, do DEM que sobrou e do novo DEM que está nascendo, agradecem, sensibilizados pelo fim da baixaria.

Cai a casa de mais um peixe pequeno. O Brasil finge que combate a corrupão punindo piabas e alimentando os tubarões com filé de atum.

Empresas ligadas à chamada máfia da merenda pagaram cerca de R$ 1,5 milhão em propinas para a administração petista de Jandira, na Grande São Paulo. O dinheiro era entregue pessoalmente ao então prefeito Paulo Bururu (PT), que foi preso nesta quarta-feira, 30, em flagrante sob a acusação de porte ilegal de armas. Ele nega.Às 6 horas desta quarta, policiais e promotores do Ministério Público Estadual (MPE) revistaram a casa de Bururu e de outras quatro pessoas. Na casa do ex-prefeito, em um condomínio em Jandira, os promotores acharam US$ 7,3 mil, uma pistola, uma espingarda e documentos de imóveis que seriam de Bururu, mas que não foram declarados à Receita Federal. Para os promotores, a corrupção em Jandira passou da administração petista para a dos tucanos, chefiada por Braz Paschoalin (PSDB). Ele foi assassinado em 10 de dezembro, segundo a polícia, a mando de dois ex-secretários da cidade. Paschoalin teria recebido R$ 224.522,27 de propina para liberar o pagamento de R$ 850.463,16 devidos pela prefeitura da cidade à empresa SP Alimentação, que forneceu merenda à Jandira até 2009. O esquema da merenda escolar foi descoberto na investigação sobre o suposto cartel do setor feita pelos promotores Silvio Antônio Marques, da Defesa do Patrimônio Público e Social, e Arthur Pinto de Lemos Junior, do Grupo de Atuação Especial e Repressão à Formação de Cartéis e Lavagem de Dinheiro (Gedec). Eles obtiveram grampos telefônicos que mostravam o diretor de uma das empresas - a Verdurama - negociando propinas. ( Do Estadão)

Falta e excesso.

O grande comentário em Brasília, ontem, foi sobre o excesso e a falta. O excesso de emoção em Lula e a falta em Dilma, durante o velório de José Alencar.

Maia atualiza seu blog com um texto que expressa revolta

"DIGNIDADE E LIBERDADE SÃO OS MAIORES BENS QUE TEMOS COMO SERES E CIDADÃOS".
O assessor adjunto de comunicação da prefeitura de Araripina (ou ex - a conferir), Carlos Maia, postou um texto em seu blog que reflete a revolta com a chegada de Zé Silva ao posto de Secretário de Comunicação da prefeitura. Pelo menos é o que indicam as palavras cuidadosamente selecionadas.
Mas falta a coragem de sempre, com a qual o araripinense se acostumou. Iveraldo Nascimento continua calado.

Imóveis: uma bolha criada pelo governo

Preços de imóveis na mira do Banco Central

Quem comprou ou vendeu apartamente em alguma capital; quem está tentando comprar e tem parâmetros para comparar com os preços de anos atrás sabe perfeitamente que em dois anos o preço dos imóveis nas capitais dobrou. Tudo bolha. Tudo irresponsabilidade da Caixa Econômica Federal, a quem cabe a responsabilidade de avaliar na hora do financiamento.
A verdade é que muita gente está com um abacaxi na mão. Quem deu sinal de entrada e agora pretende financiar o restante vai pagar carísimo ou, em último caso, perder parte o que investiu inicialmente.
A conta é simples: um apartamente que custa à construtora 50 mil Reais é vendido por cerca de 300 mil. Só no Brasil uma imoralidade desse porte prospera com o apoio e a mão do governo por trás. Esta é a bolha prestes a estourar. Quem comprar agora vai pagar o preço dessa bolha. Quem comprou no ano passado, vai pagar caro em doses cavalares ao longo dos meses um bem que vale menos da metade do valor negociado.
Quem tiver dúvias pode ir nos indicadores da Bolsa de Valores de São Paulo e pesquisar o ganho da Indústria da Construção Civil. É mais um sinal claro desse assalto petista.
Vale um esforço coletivo. Todo mundo adiar a compra do imóvel para forçar o estouro da bolha e a queda dos preços antes da eleição de 2012. Com isto, cai a base dessa quadrilha que assalta o povo e ilude o Brasil

VEJA O QUE DIVULGOU SUTILMENTE O BC
A informação abaixo é do Globo
"Depois de avisar que acompanhará com lupa a evolução da inflação para calibrar a intensidade da política de juros daqui por diante, o Banco Central (BC) anunciou [ontem] novos indicadores para monitorar os preços. A partir de agora, os relatórios de inflação vão levar em consideração dados sobre o pujante mercado imobiliário brasileiro.

O BC vai acompanhar o índice FipeZap , que mede os preços dos imóveis residenciais em seis capitais e no Distrito Federal. E o IGMI-C, da Fundação Getulio Vargas, com as variações no mercado imobiliário comercial.

Perguntado sobre a possibilidade de haver uma bolha nesse setor, o diretor de Política Econômica do BC, Carlos Hamilton Araújo, foi reticente:

- Bolha a gente só sabe que existe quando estoura"

Dilma: Um Brasil parado e outro fingindo que anda.

Quem ler, ouve e ver não tem o que esconder. O Brasil de Dilma está dividido em dois: O que parou e o que está fingindo que anda. É simples de provar com exemplos. De um lado estão as obras do PAC empacadas, onde trabalhadores são estimulados a se amotinar e fazer greve, para justificar as paralisações e a tropa de choque ter em quem colocar a culpa (no povo); O outro Brasil é o do PAC novo, representado pelas creches que Dilma promete construir agora, para começar no ano que entra, concluir algumas no terceiro ano de seu mandato e funcionar pouquíssimas na véspera da reeleição. As creches de Dilma não têm como dar certo no Brasil extratificado socialmente. Elas são muito grandes, para mais de 300 crianças com idade entre 0 e 5 anos. Em cidades com menos de 100 mil habitantes, será difícil encontrar clientela heterogênea e por isso funcionar plenamente. Razão simples: a população carcerária do Brasil pertence a uma mesma classe social, a dominante em número, e dela sairão as soluções e também os problemas das creches. Ninguém briga com estatísticas e ninguém é louco de brigar com mãe. Por isso, não se pode descartar a recusa de muitas mães em colocarem seus filhos no mesmo lugar freqüentado por uma mulher de presidiário; ou por um ex-presidiário. Em cidade pequena todo mundo se conhece. Nos bairros, mais ainda. Daí, a necessidade de o governo diminuir o tamanho de suas creches para que pessoas resistentes mudem de opinião e decidam usufruir do equipamento. O Brasil das creches anunciadas é o que finge que anda.

Renda de brasileiro fica menor 1,7% em janeiro

O rendimento médio dos trabalhadores ocupados caiu 1,7% em janeiro, para R$ 1.382,00, segundo pesquisa do Dieese/Seade. Entre os assalariados, a redução foi menor (0,1%), para R$ 1.440,00.

Já a taxa de desemprego nas sete regiões do Brasil analisadas pelo estudo avançou de 10,4% em janeiro para 10,5% em fevereiro. O contingente de desempregados foi estimado em 2,318 milhões de trabalhadores - 27 mil a mais do que no primeiro mês de 2011.

Salvador e Recife foram as regiões que registraram maior aumento da taxa de desemprego entre janeiro e fevereiro, com o indicador passando de 13,6% para 14,3% em Salvador e de 13,5% para 13,9% em Recife. Em São Paulo, a taxa de desemprego avançou de 10,5% para 10,6% no período.

O setor que promoveu mais cortes foi o de serviços (68 mil postos de trabalho), embora o comércio, a construção civil e a indústria também tenham reduzido seus quadros de funcionários.

No comércio foram contabilizadas 65 mil demissões enquanto na construção civil e na indústria houve a eliminação de 8 mil vagas em cada setor.

Os demais setores, entretanto, criaram 26 mil vagas.

A pesquisa do Dieese/Seade compreende as regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador, São Paulo e o Distrito Federal.

(O Globo)

Comentarista que ‘herdou’ cérebro de jumento acerta ‘coice’ em Eduardo Campos no Arruda lotado. Governador terá que se defender e defender a polícia.

O comentarista Neto, ex-corinthians, jogador que herdou o cérebro de um jegue, hoje recrutado pela Rede Bandeirantes para difundir os erros e sotaques do povo do interior paulista, acertou um ‘baita’ coice no governador Eduardo Campos, em transmissão do jogo Santa Cruz x SãoPaulo, no estádio do Arruda. Neto arrancou o cabresto, jogou fora, e partiu em disparada pelo pasto do microfone. Estava sem cabresto, como se fala. Eu aqui nunca defendo Eduardo Campos. Sei que ele é um governante de fachada. Mas a gloriosa polícia militar de Pernambuco merece a defesa do governador, naquilo que pode ser defendida. Ao ver policiais em pé, garantindo a segurança dos mais de 50 mil torcedores que assistiam a partida, Neto extrapolou na jumentice que lhe é peculiar. Afirmou que os policiais deveriam ficar sentados, pois o que ganham é uma miséria e estavam ali apenas para ganhar um pão com mortadela. Dois erros grosseiros: o primeiro erro foi desconhecer que os policiais estavam ali para garantir segurança, inclusive para o jumento que cospe microfone; o segundo foi tentar empurrar gordura de boi com sal (mortadela) nos policiais pernambucanos. É bom que Neto aprenda: Nordestino está acostumado com comida de gente. Em vez de pão com mortadela, como tapioca com ovo de galinha de capoeira. Só se submete a embutido de quinta em terras estranhas. Quanto ao salário miserável que ganham os policiais, trata-se de uma verdade. Verdade nua e crua. Mas nem por isso merecem o pão com mortadela sugerido pelo comentarista da Band. Com a palavra, Eduardo Campos.

quarta-feira, 30 de março de 2011

Juiz baiano tenta mas não consegue tomar jogo do Santa Cruz. Rogério Ceni mandou na arbitragem.

Uma vergonha. Pelo que se viu, o São Paulo comprou o juiz e encarregou o seu goleiro de cobrar o cumprimento do acordo. Não deu. O Santa Cruz, mesmo com um jogador a menos e um pênalti não maarcado, venceu por 1 x 0.
Alegria diferente ver novamente o santinha enfrentando os 'timinhos' do Sudeste. Principalmente com o estádio lotado, como sempre.
Agora posso dormir. Amanhã abro o dicionário para entender o que fala o comentarista Neto. Ele deve ter aprendido a falar com Rui Barbosa e a comentar jogo com com os fanáticos do Corinthias. Vai mesmo escrever dscursos para Lula no seu instituto.

Estou vendo o meu Santa Cruz bater o São Paulo. Também estou aprendendo a não falar certo com o comentarista Neto.

Estou de frente para a TV, me emocionando com o time do coração. Por enquanto, o meu Santa Cruz está encurralando o timinho do São Paulo. O tricolor do Arruda bate o do Morumbi por 1 x 0. Poderia ser 2. O árbitro, como sempre, vem para favorecer os times do eixo lá da 'baixa da égua' e roubou um pênalti claro.
Estou surpreso com o 'nível' da transmissão da BAND. Agora sei quem ensina o povo do interior paulista falar errado e falar besteira. O Neto, aquele que jogou no Corinthias e virou comentarista é um horror abrindo a boca. Acho que ele faz falta no instituto do Lula.
Só lembrava de Neto com a bola no pé. Era craque. Mas falando deixa a turma arrogante de São Paulo em maus lençóis. Perde razão qualquer paulista que criticar o sotaque nordestino tendo que defender as bonagens e o sotaque de Neto. Eita 'menino' burro.
Vou calar a boca. O segundo tempo vai começar e o vinho começa a subir à cabeça. Neto voltou a falar. Vou buscar explicações para ele ser comentarista de TV.

Carlos Maia em silêncio

Ao saber que Zé Silva passa a ser o novo chefe imediato de Carlos Maia, fui direto a uma página que este mantém na internet. Nenhuma informação recente para sentir o termômnetro no setor de comunicação da prefeitura. Maia até agora não se pronunciou. Não disse nem deixou de dizer que aceita ser subordinado a seu antigo desafeto.
Também não sei a posição de Iveraldo Nascimento, o virtual prejudicado direto com a chegada de Zé Silva ao posto. Este não tem blog. Era o titular da Secretaria de Comunicação, a menos que alguma portaria secreta o tenha demitido sem que a população tomasse conhecimento.
Fica a expectativa. O que falarão publicamente Carlos Maia e Iveraldo Nascimento?
Vão continuar no barco? Satisfeitos? Insatisfeitos e calados? Ou sairão liberando o verbo?
A conferir os próximos capítulos dessa novela.
Li num blog de notícias que o prefeito tem dias contados. Será que minhas fontes desta vez engoliram mosca?

Corte de gastos emperra ''Minha Casa''

Por falta de recursos orçamentários, nenhum projeto para famílias que recebem até três salários mínimos foi assinado com a Caixa este ano Uma das bandeiras de campanha da presidente Dilma Rousseff, o programa Minha Casa, Minha Vida está parcialmente estagnado desde o início do ano. Até agora, nenhum projeto para famílias que recebem até três salários mínimos (nível mais econômico do programa) foi assinado com a Caixa Econômica Federal - um reflexo direto do contingenciamento de gastos do governo. "O primeiro e mais importante motivo é um só: faltou dinheiro", diz Paulo Simão, presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC). .....................................................................................................................................................................
Araripina
Da área externa da minha casa, sempre olho para o alto. Bem distante, vejo diariamente retro-escavadeiras, motoniveladoras, pá-cerregadeiras e caçambas se movimentando. A movimentação ocorre no Bairro Alto da Boa Vista a cerca de 70 dias. Fiz as contas e cheguei a conclusão de que prefeitura ou empreiteira, ou ambas em associação, já gastaram cerca de 600 mil para nivelar um terreno que deverá abrigar casas de um conjunto residencial prometido recentemente pelas autoridades locais. Não sei quanto o terreno custou, mas acho que as máquinas ainda ficarão por lá no mínimo 60 dias. Fiquei fazendo contas e conclui que seria melhor comprar terrenos em lugar saneado, calçado e com serviços de água, luz e telefone. Motivo simples: o terreno, depois de pronto, ficará mais caro do que a casa financiada pela Caixa. Bem mais caro, pois apenas uma retro-escavadeira custa R$ 250,00 a cada hora. A menos que o dono de uma tenha pensado em me lesar recentemente. Me coloquei a questionar: é possível planejar um município tendo à mesa interesses políticos e forças externas pressionando para levar vantagem? Araripina é um município que oferece vida fácil para quem governa. Provo isso facilmente, afirmando sem medo de errar que a área escolhida para construir as 504 casas pertence a uma faixa de terra urbana denominada ZEOC (Zona Especial de Ocupação Controlada), para onde só pode ser autorizada construção com a devida garantia de que para cada metro construído existirão outros três para infiltração. O motivo é simples: á área é íngreme e sua ocupãção desenfreada custará caro ao município. Falta provar que avalanches acontecerão. Só espero que construam as casas, calcem as ruas e esperem a primeira invernada bem sentados no meio-fio da perimetral. De preferência, chamem o corpo de bombeiros para procurar náufragos nas imediações da Ponte Ana Ramos Lacerda. Por falar em construçao irregular, muitas estão sendo construídas com o alvará fornenecido pela prefeitura. Umas na mesma ZEOC; outras em área de preservação permanente. Dentro do leito do riacho, inclusive. É possível prever que a turma que libera alvará sequer conhece a legislação municipal. E o código penal muito menos. Resta esperar a boa vontade de São Pedro e a cegueira da CEF, que apoiou o planejamento das cidades com incentivo à elaboraão de Planos Diretores, mas que agora sequer pergunta se as casas populares estão sendo construídas dentro de ZEIS, onde podem receber incentivos. Um gaiato me disse que estão planejando sim. Planejando as enchentes bem sucedidas.

Dengue do tipo 4 já entrou em Pernambuco.

Foram notificados os primeiros dois casos de dengue do tipo quatro em Pernambuco. Os dois pacientes moram no Sertão: um homem de 27 anos, de Serra Talhada, e em uma mulher de 59 anos, moradora de Serrita. Ambos estão curados e já retomaram suas atividades normais.

O homem apresentou os primeiros sintomas de dengue em 12 de fevereiro, e teve o diagnóstico e tratamento da doença feitos no Hospital Professor Agamenon Magalhães (Hospam), em Serra Talhada.

Já a mulher apresentou os primeiros sintomas no dia 6 de fevereiro, tendo sido diagnosticada e assistida no hospital Imaculada Conceição, em Serrita.

Só agora ficamos sabendo. Só agora temos noção do risco que corremos. Fala, Secretário de Saúde de Pernambuco!

Bola fora do tucano que governa São Paulo

Devem ser completamente infundadas as declarações atribuídas a Geraldo Alckmin(PSDB-SP). Ontem, o tucano paulista teria dito, em Brasília, que José Serra (PSDB-SP) é o melhor nome para disputar a prefeitura de São Paulo e que ele deveria presidir o Conselho do PSDB, uma esfera sem poder dentro do partido, entregando a presidência para o vitalício Severino Sérgio Estelita Guerra.


Se Geraldo Alckmin deu estas declarações, ele passa a ser o melhor candidato para a prefeitura de Belo Horizonte. Certamente, terá o maior apoio de Aécio Neves(PSDB-MG), até mesmo para romper o seu acordo local, também vitalício, com o PT.


Ontem Alckmin lembrou, ao comentar a fundação do PSD, que seu pai sempre dizia: "Filho, lembre-se de Santo Antônio de Pádua. Quando não puder falar bem, não diga nada". Poderia ter usado a mesma lógica em relação ao seu próprio partido.

Revanche dos guerrilheiros: Major Curió acaba de ser preso.

O Ministério Público Federal em Brasília apreendeu ontem documentos, um computador e uma arma de fogo nas residências do oficial da reserva Sebastião Rodrigues de Moura, conhecido como major Curió. Ele foi um dos líderes da repressão à guerrilha do Araguaia (1972-1975). Os mandados foram concedidos pela 1ª Vara da Justiça Federal. "As buscas são uma tentativa de localizar documentos que possam revelar o paradeiro de corpos de militantes políticos que participaram da guerrilha", disse a procuradora Luciana Loureiro. Curió foi preso em flagrante por porte ilegal de arma e continuava detido até o fechamento desta edição. A nota é da Folha de São Paulo.

O "doutorado" de Lula em Coimbra custa U$ 20 milhões. Por ano.

Está explicado o verdadeiro motivo para homenagem feita ao "Doutor" Lula pela Universidade de Coimbra. 10% do alunado da prestigiosa universidade (apenas no Brasil) é composta por bolsistas brasileiros. Nem a Espanha, ali ao lado, manda tanto aluno para a UC. As bolsas são pagas pelo governo brasileiro. Ontem, 900 bolsistas brasileiros formaram uma barulhenta claque paga para aplaudir o doutoramento do iletrado. Juntos estes bolsistas recebem, por ano, da Capes, cerca de U$ 20 milhões para estudar lá fora. O quanto é pago para Coimbra não é conhecido, mas deve ser basicamente a mesma coisa. Quem não fala inglês, francês ou italiano, costuma buscar o canudo em dinossauros como Coimbra em Portugal. O único ônus é ter que, uma vez na vida e outra na morte, aplaudir um Lula virando doutor. Mas, como diria o poeta português Fernando Pessoa, tudo vale a pena, se a bolsa , ops!, se a alma não é pequena.

Zé Silva na prefeitura. Os amigos da rede anônima mundial devem guardar este post em lugar seguro.

O radialista Zé Silva é o novo assessor de comunicação da prefeitura de Araripina. Não somos chibata do universo e por isso não nos cabe julgar ética ou moralmente qualquer profissional que decida mudar de posição ou de lado. Contudo, há que se perguntar ao prefeito o seguinte: Terá algum efeito o produto a ser apresentado por Zé Silva à comunidade? Uma coisa é certa: A partir de agora ele não tem mais os 'inimigos' devidamente conhecidos. Como seres humanos, temos muito a fazer por ele, aconselhando-o, para que sempre esteja atento aos movimentos ao seu redor. Apesar da simplicidade, que pode ser interpretada de quase todas as formas, há por trás de Zé Silva um sujeito inteligente, uma pedra bruta, que não foi lapidada por falta de condições materiais no tempo oportuno. Ele, de tanto lutar contra as adversidades da vida, ficou muito 'esperto', dando, de vez em quando, alguma margem para interpretações equivocadas, ou não, a seu respeito. Alguns detalhes saltam aos olhos nesse processo de cooptação. Zé Silva era homem de confiança da campanha de Lula e com este rompeu a um mês da vitória do atual prefeito, em setembro de 2008; Foi homem de confiaça de Bringel nas campanhas de prefeito e deputado, quando amargou derrotas; Rompeu com este depois da eleição de deputado; Foi para Nascente, um lugar distante e de estradas perigosas; Por pouco, não foi atraído para uma missão numa emissora de rádio de uma cidade do violento e reacionário Vale do São Francisco; Agora, assume o posto de homem da comunicação do antigo desafeto, o prefeito de Araripina, Lula Sampaio. Tudo isso num curto intervalo de 25 meses. Sendo ele emotivo e por vezes temperamental, muito disse e muito ouviu, com todos os reflexos que isto apresenta. Também ameaçou dizer e não disse, ficando no ar a sensação de que algo estava 'guardado'. Foi líder de audiência do rádio araripeano. Hoje, coleciona desafetos em todos os lados. Aliás, nem Zé Silva sabe ao certo quem é amigo e quem é inimigo. Faz uma travessia arriscada na exata hora em que seu ex-chefe político se apressou para negar que esteja sendo cooptado pelo prefeito. Ainda bem que em Araripina todas as correntes são de paz. Ainda bem que Zé Silva nunca foi de alegar ter provas sobre algo e deixou de apresentá-las ao público por algum motivo, razão ou circunstância. Ainda bem que não temos por que nos preocupar. As versões sobre essa mudança brusca de rota são muitas. Vários 'sabidos' dão seus palpites. Até meso que Zé Silva foi atraído para cair junto com o prefeito se comenta nos bastidores, como se prefeito caísse no Brasil assim tão facilmente. O fato é que algo impensado se materializou. Dois apressados tomaram decisões sem fazer o mínimo de avaliação de ganhos e perdas. Boa sorte ao pai de família Zé Silva. Desejar o mesmo ao comunicador equivale a ser falso. Aliás, não vejo espaço para sucesso nessa empreitada, por pura falde de elementos. Nem canais de comunicação receptivos o novo assessor de comunicação do prefeito encontrará. Mas um batalhador sempre encontra um jeito de superar os desafios. Teria sido este o motivo que levou Lula Sampaio a investir alto para conquistar Zé Silva? A informação de que o ex-assessor de Bringel assumiu a Assessoria de Comunicação do prefeito Lula partiu da Rádio Grande Serra. Foi transmitida exatamente pelo radialista Genival Souza, que recentemente rompeu com o prefeito, levando ao ar várias queixas, em programa jornalístico comandado exatamente pelo novo assessor de comunicação da prefeitura. Sempre ouvi dizer que o mundo dá voltas. Mas a impressão que fica é que a terra está dando uma a volta a mais todo santo dia. Por isso, peço aos 2.400 leitores que entram aqui diariamente, e de modo particular aos 'parceiros de rede anônima' espalhados pelo mundo, que copiem este post e o guarde bem, em lugar seguro. De preferência, compartilhem com muitos outros, de todas as redes. Espero que ele não seja útil no futuro. Mas a gente nunca sabe. Este cara teve a 'ousadia' de entrevistar Jarbas Vasconcelos numa emissora de rádio, em pleno sertão pernambucano, na véspera da campanha passada, contrariando interesses diversos. Bem entendido?

terça-feira, 29 de março de 2011

Dinheiro para o Nordeste, só na marra. Antônio Morais propõe medida jurídica para assegurar repasses ao NE.

O deputado Antônio Moraes (PSDB) solicitou em plenário, nesta terça-feira, que a Procuradoria da Assembleia Legislativa e a Comissão de Finanças analisassem a possibilidade de recurso junto ao Supremo Tribunal Federal, impetrando uma Ação Direta de Inconstitucionalidade – ADIN, pedindo o cumprimento da Constituição.

O deputado destacou que é importante garantir o cumprimento do artigo 165, parágrafo 7º, da Constituição Federal, que determina que os investimentos federais, em cada região, devem ser proporcionais aos habitantes nela existentes. “Isso não vem sendo cumprindo. Apesar de o Nordeste dispor de 28,3% da população brasileira, tem recebido apenas uma média de 12% dos investimentos do Governo Federal conforme dados estatísticos arquivados na Fundação Getúlio Vargas. “destacou Moraes.

O tucano enfatizou que em 22 anos de funcionamento da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste – SUDENE, (1962 a 1983), os incentivos fiscais concedidos por aquele órgão, totalizaram US$ 4,2 bilhões de dólares, enquanto que os dez maiores projetos incentivados fora do Nordeste, (Tubarão, Cia. Siderúrgica Nacional, Ferrovia do Aço, Cosipa, Itaipú, Carajás, Tucuruí, Programa Nuclear, Aço Minas e Telefônicas), em 16 anos foram aplicados US$ 50 bilhões de dólares.

(Da Assessoria do Parlamentar)

Emancipação de Nascente: Agora vai?

Em sua primeira reunião na manhã desta terça-feira, a Comissão de Negócios Municipais da Assembleia Legislativa, presidida pelo deputado Odacy Amorim (PSB), decidiu colocar em pauta todos os projetos de lei visando à criação de novos municípios.

Um desses projetos, de autoria do próprio Amorim, sugere a criação do município de Rajada, desmembrado de Petrolina.

Além de Rajada, a Comissão vai analisar os projetos que sugerem a criação dos municípios de São Domingos (Brejo da Madre de Deus), Pão de Açúcar (Taquaritinga do Norte), Ponta de Pedras (Goiana), Nossa Senhora do Ó (Ipojuca), Nascente (Araripina) e Serrolândia (Ipubi).

A Comissão aprovou a criação de uma subcomissão para conversar com o governador Eduardo Campos sobre a criação de novos municípios. A Comissão de Negócios Municipais tem como membros titulares os deputados Aglailson Junior (PSB), Édson Vieira (PSDB), Rildo Braz (PRP) e Rodrigo Novaes (PTC).

Do blog de Inaldo Sampaio)

Morre José Alencar

Acaba de falecer o ex-vice-presidente José Alencar. Fica o exemplo de uma luta de 14 anos contra o câncer.
Bem que a justiça poderia, em sigilo, solicitar a retirada do seu material genético para que a professora mineira que alega ser sua filha fosse atendida na sua súplica de ser reconhecida como tal. Ou, em caso de picaretagem, ser desmascarada, evitando assim futura exumação, como agora ocorre com Tim Maia. Também, se for o caso, para servir ao mesmo propósito, em caso de novos processos semelhantes, visto que o nosso bravo político e empresário confessou publicamente que era igual a quase todo brasileiro macho: gostava da fruta e pulava cerca. Alencar comfesou ter mantido relação carnal com a mãe da 'professora mineira', mas se recusou a assumir a paternidade. Nada sufiiente para lhe tirar o brilho de grande brasileiro que chegou até onde está trabalhando muito e aproveitando bem os benefícios fiscais e incentivos governamentais. Diferente de outros que conseguiram os mesmos benefícios apenas para em seguida quebrar as empresas e ficar com os recursos dos bancos de fomento.
José Alencar entra para a história pelo que fez de bom no setor empresarial e pelo que fez na política. Graças a ele Lula de Pernambuco conseguiu abrandar o coração dos empresários, que de 'gargalo' passaram a ser financiadores da campanha do petista, para em seguida serem beneficiários diretos da divisão do bolo maior e da onda de peleguismo que tomou conta das centrais sindicais.
Vamos elogiar Zé Alencar. Ela acaba de subir a rampa do céu. Neste momento, está sendo abraçado por Tancredo Neves, seu conterrâneo. Terão muito o que conversar sobre Aécio e Eduardo Campos, dois 'meninos' que aprenderam desde cedo a 'não ser a favor nem contra, muito menos ao contrário'.
O Brasil perdeu um grande empreendedor. A política perdeu um belo mineiro.
Descanse em paz, Alencar.

Divirta-se

Bronca no meio radiofônico: emissoras serão tomadas de laranjas.

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, anunciou ontem que o governo cassará as concessões de rádio e TV que foram adquiridas em licitações públicas por empresas registradas em nome de laranjas. A decisão foi tomada um dia depois de a Folha de S.Pauloo revelar que entre os vencedores de concessões milionárias estão funcionários públicos, donas de casa, cabeleireira, entre outros trabalhadores com renda incompatível com o valor dos negócios. Segundo Paulo Bernardo, o ministério já tinha conhecimento de parte das 'ocorrências', embora desconhecesse detalhes sobre o uso em larga escala de laranjas. O ministro disse que pedirá ao Ministério Público Federal que investigue também a revenda de concessões pela internet, revelada pela Folha na edição de ontem. 'A legislação proíbe a revenda das concessões até que a emissora complete cinco anos de funcionamento. Quem comprou e revendeu para ganhar dinheiro pode perder a concessão', disse.

(Da Folha de São Paulo)

Boas vindas

Vejo que crescemos na média diária de acessos. De 2.100, pulamos em uma única semana para 2.400 pessoas acessando o Meu Araripe, de igual número de computadores. Já me convenceram que cada computador alimenta com informação outras quatro pessoas, além do dono. Sendo assim, o Meu Araripe já está no belo patamar de 2.500 x 5 leitores, ou 12.500 pessoas lendo e fazendo opinião com base (também) no que aqui busca e encontra. Pedi dias atrás que informassem outros (leitores) da nossa existência; que enviassem o nosso link. Peço mais do mesmo. Deu certo. Dará certo. É uma corrente que pode crescer rápido. Isto se chama corrente da democracia. Você pode até discordar da nossa forma de escrever, ou até mesmo do nosso posicionamento firme e por vezes intransigente. Não fique inconformado e por isso 'fugitivo' daqui. Democracia é isso mesmo. É preciso haver o contraditório. Ruim para você que discorda é comer o prato feito da mídia encabrestada, sem ao mesnos testar nossa 'sobremesa'. A menos que queira se transformar num 'leso', como bem simplifica minha filha ainda ingênua. Vou repetir o que já disse antes. Não quero iludir ninguém. Não sou e não planejo ser jornalista. Nem mesmo se o congresso voltar com a burra lei que limita o papel de escrever em jornais a quem dispõe de diploama de josnalista. Até assim, vou continuar burlando essa Lei e atendendo a outra maior, a Constituição Federal, que me assegura o direito de expressar livremente as minhas vagas opiniões. Aprendi que para pedir temos que ser práticos: copie o nosso endereço, vá até sua caixa de e-mails, selecione 20 amigos afinados com suas ideias, cole o nosso link e faça uma sugestão de leitura com alguma frase que você considera justa para referendar nosso blog. Você já teve oportunidades de ver que eu não vivo de propaganda, ou de remuneração pelo que escrevo ou transcrevo aqui. Eu apenas gosto de participar do processo como 'intruso'. Faço isto, como anônimo, entre uma atividade e outra que me sustenta. Sempre com muito prazer. Já que não fumo, não jogo nem bebo, escrevo. Seja bem vindo. Você é muito importante aqui. Desde já, um conselho: se acostume com o nosso jeito 'cachorro-doido'. Deixo claro que não preservo ninguém. Nem mesmo a oposição que defendemos ardorosamente. À oposição não cabe o papel de aplaudir. Sempre que isto ocorre, pego pesado, mesmo que não disponha das provas de que algum emprego ou verba foi liberada para silenciar ou cooptar mais um. Oposição, no nosso entender, é a que Lula fazia, comandando o PT que se opôs a tudo (para melhorar até o que já é bom), até chegar aonde está, e de onde não quer sair.

Estelionato eleitoral

O 'Diário Oficial' da União traz hoje uma portaria do Ministério do Planejamento que suspende, por tempo indeterminado, as nomeações de concursados no governo federal e a realização de novos concursos. A medida, anunciada pela ministra Miriam Belchior (Planejamento), faz parte dos cortes de R$ 50 bilhões no Orçamento estipulados pela presidente Dilma Rousseff no início do ano.
Em campanha, Dilma incentivou os jovens, afirmando que deveriam se preparar para novos concursos. Disse até que a máquina precisava de mais gente. Muita gente ganhou com aquele estelionato. Ela, bem mais do que os donos de cursinhos e de institutos que realizam provas. Dilma ganhou a presidência da República. Os aprovados ganharam um mar de desilusão.

"Brasilerinhos e brasilerinhas, vindo do povo brasilero..."

O título acima é uma das frases da presidente Dilma Rousseff, hoje, em Minas Gerais, lançando a Rede Cegonha, assim como ela pronunciou e declarou.
Com todo respeito às antas, ela está querendo ser confundida com uma.

Caixa Econômica Baiana.

Pernambuco perdeu mesmo musculatura e prestígio no Governo Dilma. Além de inferiorizado no ministério, acaba de perder para a Bahia a presidência da Caixa. Também deve perder a presidência da CHESF. Eduardo Campos corre dois riscos: virar presidente do Brasil custeado e manipulado pela poderosa FIESPE; e perder recursos e obras federais. Mas ele insiste em antecipar 2014 na imprensa do Sul. A Bahia ficou dona da capitania da Caixa Econômica Federal, assim como já é dona da capitania da Petrobras. Hoje assume a presidência da Caixa o baiano Jorge Hereda, ligado fisiologicamente ao PT. Também assume a vice-presidência de pessoa jurídica o baiano Geddel Vieira Lima (PMDB), ex-ministro da Integração Nacional. Geddel, que desviou quase 70% do dinheiro para emergências do ministério que ocupava para garantir votos na boa terra, vai fazer a festa dentro de um banco. É a raposa cuidando do galinheiro. Se utilizar a mesma tática, 70% dos empréstimos para empresas serão direcionados para a Bahia. Assim, Maria Bethania pode ficar tranquila e Caetano Veloso mansinho. Com este time mandando na Caixa, não vai faltar patrocínio para aquele blog de R$ 1,3 milhão. Afinal de contas, o banco do povo já financia o PHA, o decano da blogosfera do esgoto. Aliás, o tal blogueiro já deve estar chamando o novo presidente de "painho".

Governo de Fachada

Você vai ler, abaixo, a abertura da coluna de hoje de Magno Martins. Ela reflete o Pernambuco real, aquele que não é amaciado pela propaganda oficial. Principalmente, mostra o Pernambuco distante de Suape, único paradeiro de verbas expressivas do governo Eduardo Campos. Portanto, o abandono a que o neto de Arraes impõe ao Araripe não é deliberado; é regra geral. O governador do Estado não gosta de governador o que é do governo: hospitais, estradas, prédios públicos, escolas, poços, açudes, aeroportos, nada. Abandona para não gastar. E espera que a população esqueça. Quando seu sucessor assumir, é possível que a situação do Estado estaje pior do que a que Jarbas recebeu de Miguel Arraes.
A população confunde estrada federal e rodovia estadual, que deste governo sequer merece um roço básico. Confunde investimento privado em indústrias, nas imediações de SUAPE - uma obra de 30 anos de vários governos - com operacionalidade do atual (que apenas colhe os frutos de uma obra estruturadora e de um mercado globalizado).
Governar bem é cuidar bem do que é do Estado. E isto Eduardo não faz. Basta ver o cáos na saúde e a buraqueira das estradas estaduais. Então ele faz exatamente o que? Não responda citando as obras de Lula!
O título "Governo de Fachada" é nosso. O de Magno é o que segue.

Agora leia Magno Martins

O grito sertanejo

Na segunda maratona que fará ao Sertão a partir da próxima quinta-feira, o governador Eduardo Campos (PSB) vai se deparar com um quadro de mais demandas e reclamações. Prefeitos do Pajeú definiram como prioridade zero, por exemplo, o recapeamento da PE-290, que interliga os municípios da região e a PE-292, que liga Afogados da Ingazeira ao distrito de Albuquerque Né.

Ambas estão intransitáveis, uma verdadeira tábua de pirulito. O trecho de Serra Talhada para Flores já está bem avançado, mas os prefeitos querem a garantia de que o restante também seja reconstruído e não se faça apenas uma operação tapa-buraco.

Quando chegar a Petrolândia, Eduardo sentirá pessoalmente o clamor da população com as estradas que ligam o município a Tacaratu e Floresta. Já em Arcoverde, a principal reclamação trata da paralisação das obras da Transnordestina. Embora o projeto seja federal, tem o carimbo do Estado pela estreita ligação de Eduardo com o Governo Dilma.

A ferrovia terá um túnel naquele município, cujas obras foram interrompidas há cinco meses, desempregando mais de 800 trabalhadores. Outro pleito, tanto em Petrolândia quando em Serra Talhada e Arcoverde, diz respeito ao reforço no sistema hídrico da região. Com a seca, diversas comunidades estão sendo abastecidas por carros pipas, que paralisaram suas atividades por falta de pagamento.

segunda-feira, 28 de março de 2011

Da série 'Fornada da Assessoria Parlamentar'.

Esta que os blogs comerciais estão reprediuzindo à exastão no dia de hoje é mais uma prova do domínio que deputados, senadores, governadores e prefeitos exercem sobre as redações dos jornais e blogs. Armando Monteiro mandou bem, no dia de hoje. 'Está em todos'. Em entrevista ao programa “Você faz a Noticia”, apresentado pelo radialista Valdir Bezerra, na Rádio Capibaribe, o senador Armando Monteiro (PTB) elogiou o compromisso da presidente Dilma Rousseff (PT) em controlar a inflação. “Ela sabe que se isso não acontecer estaremos penalizando os segmentos mais pobres da população”, afirmou o petebista. O senador também comentou sobre a Reforma Política, as turbulências econômicas em países europeus e voltou a enfatizar que o PTB nunca fez convite para o ex-prefeito João Paulo (PT) ingressar na legenda. “João Paulo é uma questão do PT. O que interessa ao PTB agora é fortalecer o partido para as eleições de 2012”, reforçou

Um jornalista mal intencionado, da cozinha do governador, 'ataca' um petista sem mostrar provas do que alega reproduzir

Leia abaixo o que diz um blogueiro sobre Humberto Costa. Procure, em algum lugar da declaração atribuída a Zé Dirceu, alguma palavra ou frase que respalde o que conclui o jornalista 'palaciano'. É este o jeito brasileiro de iventar 'verdades' distorcidas.

Ao saber que há muita gente no PT defendendo o fim da reeleição, como é o caso do senador pernambucano Humberto Costa, adepto do mandato de cinco anos sem direito a uma nova postulação, o ex-ministro José Dirceu aproveitou um seminário do partido que se realizou ontem em São Paulo para dar o seguinte recado:

“Vamos deixar de ser ingênuos. Eles querem acabar com a reeleição porque este é o nosso (do PT) ciclo histórico. Nós é que temos iniciativa, hegemonia, ofensiva para poder nos reeleger. Alguém acha, em sã consciência, que vai acabar o uso da máquina em favor deste ou daquele candidato porque vai acabar a reeleição?”

Humberto passou a defender o mandato de cinco anos, sem direito à reeleição, porque tem um projeto político, legítimo, diga-se de passagem, em Pernambuco: eleger-se governador.

AGORA, NÓS:
Em que parte da fala Zé Dirceu se dirigiu a Humberto Costa? Quantos petistas defendem a mesma coisa? Quantos petistas que querem a volta de Lula defendem que a reeleição seja coisa do passado já a partir de 2014?
A verdade é que o blogueiro sabe perfeitamente que Humberto Costa é o nome de Dilma para disputar o governo de Pernambuco, contrariando a vontade de Eduardo Campos, que na moita com Aécio defende o nome de Fernando Bezerra Coelho.
Quem isto escreve aposta no leitor desatento e no radialista sem caráter para propagar inverdades. Veja que as aspas são fechadas na frase interrogativa "vai acabar com a reeleição?". O resto é por conta e risco do jornalista pernambucano.
Essa gente vai ter que se acostumar com os blos da verdade. Vai ter que mudar muito a forma de escrever.

Cada voto em Dilma custou R$ 250 para os cofres públicos.

Dilma Rousseff foi eleita com 55.752.529 votos. Para cada voto, Lula liberou R$ 250 no maior estelionato eleitoral da história deste país.


O governo federal acelerou o ritmo de liberação de verbas livres de obrigação constitucional para Estados e municípios em 2010, ano em que o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou ser "prioridade" eleger Dilma Rousseff (PT) sua sucessora no Palácio do Planalto. Em relação a 2009, a distribuição de recursos cresceu 51% em termos reais, descontada a inflação. No ano da eleição, o governo federal enviou para os governos estaduais e municipais cerca de R$ 13,9 bilhões como transferências voluntárias. Em 2009, esse repasse foi de R$ 9,2 bilhões. As transferências voluntárias são recursos repassados pela União a Estados, municípios e entidades sem fins lucrativos, que podem ser usados para realização de obras ou na prestação de serviços. Esse dinheiro é repassado geralmente por meio de convênios ou acordos e não segue nenhuma determinação constitucional. É, portanto, recurso que pode ser distribuído de acordo com critérios escolhidos pelo próprio governo.

Boquinha socialista: "A bandeira do meu partido' tem uma boquinha (...)

Da série "Por isso não temos escola nem hospitais'...

Aqui e ali - Vice-presidente do PSB, Roberto Amaral deixará a direção da Alcântara Cyclone Space. Ele passará a integrar conselhos de duas estatais, BNDES e Itaipu, nas vagas antes ocupadas pelo ministro Paulo Bernardo (Comunicações).


A informação é do Painel do Folha. Somente Itaipu rende em torno de R$ 15 mil mensais.

Roberto Amaral, para quem não lembra mais, defendia que o Brasil enveredasse pela 'arte' de fabricar bomba atômica. É um maluco que de tanto brigar com 'almas' que só ele conhece ficou rouco para sempre. Só não aprendeu nem aprende a rasgar dinheiro, na sua maluquice. A conta dele e a de muitos outros 'companheiros' nós pagamos com impostos.

FARC perde terreno na Colômbia. MST segue o mesmo rumo no Brasil.

Os movimentos guerrilheiros, armados ou não, perdem força da América Latina. As FARC estão sendo extirpadas dos "araguaias" colombianos, depois de anos de terrorismo, sequestros, assassinatos de camponeses, tendo como sustentação financeira o narcotráfico. No Brasil, o MST que não tem armas,não tem CGC, mas mesmo assim recebe dinheiro público através de ongs "laranjas", está sendo derrotado pela verdade: é uma guerrilha rural e não um movimento em busca de reforma agrária. Clique na imagem para ampliar e leia matéria do Estadão de hoje.


Buraco: o risco nosso de todo dia em Araripina

"Descendo até o chão", este ônibus enfiou até o eixo no buraco 'sem dono' de Araripina. Está arriscado andar. Andar de qualquer jeito, por qualquer meio. Duas, três, quatro rodas; dois ou 'três' pés, não importa. Em Araripina, os buracos não fazem distinção. Há duas semanas, uma garota caiu dentro de um buraco e quase morreu afogada. Hoje vive, mas graças à agilidade de um vizinho que a socorreu na hora de agonia. São incontáveis os casos de gente que cai dentro de algum buraco nas ruas da cidade e estradas da zona rural. Hoje, segunda, logo às 7 da manhã, este ônibus, se dirigindo ao CEA, caiu numa das esquinas da Rua Alfredo José Modesto, bem em frente à casa de Romério, do Romériu's Bar. O muro é sugestivo. Prestigia a mãe do governador Eduardo Campos. Araripina vive um dilema sem precedentes. Ninguém quer assumir os buracos. Logo no início da atual gestão, alguns 'empreiteiros' assumiram. Assumiram a tarefa de abrir e deixar a chuva entupir esgotos, para que o problema se perpetuasse. A cada esquina, um volume de terra não coseguiu fazer a curva e descer para o riacho tubulação abaixo. Ficaram 'engasgados' na tubulação nas ruas menos íngremes. Tudo devidamente 'planejado' para render serviço durante os quatro anos. Está rendendo serviços e dor de cabeça. O problema sempre surge quando um volume de água superior à vazão dos tubos de croncreto encontra um obstáculo de terra e jorra, danificando o calçamento. Por último, o governador deu início a uma obra de melhoria da rede de água. Quebrou a cidade e não resolveu nada, se é que não piorou em alguns bairros. Deixou muitos buracos, depois tapou. Era o que muitos queriam, inclusive na imprensa. Na relutância de sempre, ninguém sabe mais a quem pertence o buraco. Uns culpam o governador; outros culpam o prefeito. Porém, ninguém quer tapar. Por falar em buraco, este aí que engoliu o ônibus 'amarelo' é de quem? Olhe bem para não cometer injustiça. Em apenas cinquenta metros de rua são quatro. Cada um mais 'saliente' que o outro para engolir o que é alheio. Perguntas pertinentes: Alguém tem parceria com oficina de molas? Lucra com isso?

domingo, 27 de março de 2011

O tamanho do desvio de verbas do SUS

Um mesmo médico em 17 lugares diferentes ao mesmo tempo. O paciente sofrendo num só lugar: a fila.
Criado em 1990 para assegurar o pleno atendimento médico-hospitalar à população, o Sistema Único de Saúde (SUS) transformou-se no tesouro mais nobre e vulnerável do orçamento público brasileiro. Recursos bilionários e pulverizados são desviados de hospitais, clínicas credenciadas e unidades de saúde. Investigações administrativas do Ministério da Saúde e da Controladoria Geral da União, concluídas entre 2007 e 2010, apontaram desvios de R$ 662,2 milhões no Fundo Nacional de Saúde.

O prejuízo pode ser bem maior, pois somente 2,5% das chamadas transferências fundo a fundo são fiscalizadas, de acordo com a CGU.

Só as irregularidades já atestadas financiariam a construção de 1.439 unidades básicas de saúde e de 24 Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs), além de pagar os salários de um ano inteiro, com 13, de 1.156 equipes do Saúde da Família.

Em procedimentos, equivaleria a 1,21 milhão de cesarianas ou 1,48 milhão de cirurgias de hérnia.

O volume de dinheiro fiscalizado contrasta com a quantidade de desvios impunes. As fraudes incluem compras e pagamentos irregulares, superfaturamentos, desperdício com construção de hospitais que não funcionam e até contratação de um mesmo médico para 17 lugares ao mesmo tempo.

Nos quatro anos analisados, o prejuízo foi de R$ 223,07 milhões.

Para ter uma ideia dessa sangria a conta-gotas, O GLOBO recolheu detalhes de auditorias em vários estados e visitou quatro cidades.

Em Aparecida de Goiânia (GO), na Região Metropolitana, as 17 novas enfermarias do Hospital de Urgência custaram R$ 1,5 milhão, ficaram prontas em dezembro, mas não foram entregues pela construtora.

sábado, 26 de março de 2011

Mais água na gasolina. Em breve, será gasoloina na água.

Em nova tentativa de conter a escalada de preços dos combustíveis, a ANP (Agência Nacional do Petróleo) autorizou o aumento na quantidade de água no álcool anidro, que é misturado à gasolina vendida nos postos, informa a Folha de S.Paulo deste sábado.

A mudança, temporária, visa permitir a importação de álcool dos Estados Unidos. Desde ontem, o etanol anidro pode ter até 1% de água, que é a especificação no exterior. Antes, no Brasil, o teor máximo era de 0,4%. O limite para o etanol ser considerado anidro é 1% de água. No longo prazo, a mudança pode ser prejudicial ao motor.
Agora imagine o que distribuidores e donos de postos irresponsáveis vão fazer além do que já fazem.

Povo do Pará acerta contas com prefeito e vereadores

Moradores de Curralinho (PA) destruíram os prédios da câmara municipal e prefeitura da cidade, na tarde desta sexta-feira (25). A manifestação começou após os vereadores terem decidido, durante a sessão, não abrir processo de cassação do atual prefeito, que é suspeito de irregularidades na aplicação de recursos públicos. Os manifestantes atearam fogo ao prédio da câmara e jogaram paus e pedras no prédio da prefeitura. O policiamento na região foi reforçado.Segundo a Polícia Civil, 20 pessoas que participaram dos ataques foram identificados e poderão responder por dano ao patrimônio público.

Escancarando a imprensa encabrestada

A partir de agora, o Meu Araripe, sempre que achar conveniente (por ser revelador), postará alguma 'reportagem' publicada pela imprensa que 'produz igualzinho' aos textos preparados pelas assessorias de imprensa de deputados, senadores, governadores e presidente.
Para que você possa identificar, daremos o crédito ao verdadeiro autor. Aparecerá no final do texto o seguinte informe: (Da Assessoria do Parlamentar; ou do Governo), sempre entre parênteses.

Tenha uma certeza: ao acessar diversos blogs e jornais 'comerciais', você terá contato com a mesma 'reportagem', quase sempre igual em tudo, vez por outra mudada apenas na 'cor da fonte'. Nunca, porém, informando que aquilo saiu de algum gabinete.
Farei isto para que o leitor do Meu Araripe passe a compreender melhor como se constrói 'verdades' e, acima de tudo, como a imprensa brasileira se transformou em lata de embutido dos gabinetes com verba para gastar em propaganda.
É preciso ter um pouco de cérebro diferenciado para que o leitor não se transforme em consumidor de propaganda disfarçada.

Antes de ganhar a "land rover", Lula abriu as portas do PT para um sheik (pronuncie cheque).

A matéria é de O Globo. Um mês antes de presentear Luiz Inácio Lula da Silva com um carro executivo blindado , o empresário libanês Youssef Chataoui apresentou o ex-presidente ao xeque Fahad Al Athel, um magnata saudita que viajou a negócios pelo Brasil. A visita incluiu audiências com prefeitos petistas e até com o governador da Bahia, Jaques Wagner, em Salvador. Ciceroneado por Chataoui, a última parada do megainvestidor foi em São Francisco do Conde (BA), pequeno município com prefeita do PT, Rilza Valentim, que abriga a refinaria Landulpho Alves, da Petrobras.


A etapa baiana do tour, realizado em seu avião particular, mostrou a estreita relação entre Chataoui e o PT. O saudita, que atua nos ramos petroleiro, financeiro e de infraestrutura, encontrou-se com deputados e dois prefeitos petistas, das cidades de Maraú e Maragogipe. A primeira cidade baiana tem uma extensa reserva de gás, e a segunda será posto de fabricação de estaleiros para plataformas de petróleo. Um dirigente estadual do PT, Marco Resende, negou que Lula tenha intercedido a favor do xeque e de Chataoui.


Como revelou O GLOBO nesta sexta-feira, Chataoui é um empresário que se estabeleceu no Brasil após ser acusado, em 2001, de disseminar a doença da “vaca louca” na França, onde tinha empresas de ração animal. Chegou a ser preso após uma tentativa de vir para o Brasil, enquanto estava sob supervisão judicial, segundo o noticiário local. Um de seus advogados em Paris informou que ele foi absolvido. ” Sou o advogado dele, mas não posso falar pelo meu cliente. Ele foi absolvido, e o caso está encerrado”, disse François Proust, da firma de advocacia de Jean-Louis Cocusse, que representou Chataoui em 2001.


O carro que Lula ganhou para o Instituto Cidadania, segundo o assessor Paulo Okamoto, é da General Motors, para “uso executivo” e conta com blindagem completa. Um modelo Captiva blindado, por exemplo, custaria cerca de R$ 130 mil. Okamoto negou que Lula tenha relação com o libanês, que, por sua vez, sustenta ser “amigo pessoal” do petista. A audiência realizada em São Paulo para apresentar o xeque saudita aconteceu em fevereiro: Lula foi convidado a participar de uma conferência com empresários árabes no Brasil. O plano do saudita é reunir os cem maiores investidores árabes na Bahia governada pelo PT. “Esse empresário não tem relação com Lula. Quem, em tese, deu o presente foi o pessoal que organizou o evento de homenagem a Lula. O carro é da General Motors. É de uso executivo blindado, mas não vamos falar a placa, número e cor”, disse Okamoto. “Foi dado e não roubado, né? Vamos pegar com o maior gosto. Se é de um empresário que tem negócios lícitos no Brasil, partimos do pressuposto que é uma pessoa de bem”.


O empresário foi orientado a não falar com a imprensa e estaria com receio da divulgação de seu nome. No entanto, subiu ao palco diante de cerca de 500 convidados da comunidade árabe, no jantar em homenagem a Lula na última segunda-feira, para fazer a entrega “simbólica” das chaves do carro a Lula. O xeque saudita Fahad Al-Athel é um magnata do petróleo, mas atua em diversas áreas econômicas, inclusive administração de aeroportos e bancos. Uma de suas holdings, a FAL Group, fica em Doha, no Qatar, onde o ex-presidente Lula esteve este mês para um seminário da TV árabe Al Jazeera. Al-Athel foi o primeiro comprador do mundo árabe de um jato Legacy, fabricado pela Embraer.

Armando Monteiro quer acabar com a farra dos chineses

O senador Armando Monteiro Neto (PTB-PE) cobrou providências ao governo brasileiro no sentido de barrar a importação de produtos, especialmente da China, porque eles correm o risco de levar à falência uma parte da indústria nacional.

Segundo ele, o Brasil, o país tem registrado sérios prejuízos em diversos setores de sua economia por causa da concorrência “em condições não isonômicas” com os produtos importados, especialmente os asiáticos.

“Não se trata de oferecer proteção a setores ineficientes, não se trata de compactuar com a ineficiência, mas de reagir às condições que estão hoje presentes no mercado internacional e ao acirramento da competição em escala global”, disse o senador pernambucano.

Ele propôs um debate sobre este tema na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE), com participação de representantes do governo e do setor produtivo. Esta proposta deverá ser votada na próxima terça-feira (29).

(Da Assessoria do Parlamentar)

sexta-feira, 25 de março de 2011

Lata velha

Brasil já é 2º maior mercado da Volkswagen no mundo

Com uma participação de 15% nas vendas globais da marca, o Brasil superou a Alemanha e se tornou o segundo maior mercado do grupo alemão Volkswagen no mundo.

Conforme Thomas Schmall, presidente da Volkswagen no Brasil, o desempenho da filial brasileira só ficou atrás da subsidiária na China.
Vejam que os alemães, donos da marca, não gostam tanto dela quanto os brasileiros. Chinês já é acostumado com bujinganga e lata velha e fecha o mercado a produtos nobres. Mas o Brasil tem opção melhor e mais barata. Gosto é como aquilo. Todo mundo tem o seu.

Vírus 4 da dengue já chegou ao Piauí

Para Jarbas Barbosa, do Ministério da Saúde, vírus reforça necessidade de combate a criadouros e organização da saúde.

A disseminação do vírus da dengue tipo 4 no País é previsível, afirmou o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa.

"Não há dúvida de que a circulação vai ocorrer. A presença do novo vírus deve funcionar apenas como mais um argumento para reforçar o que tem de ser feito: combate aos criadouros e organizar o sistema de saúde para atendimento rápido dos pacientes."

Para Barbosa, a preocupação reside no fato de haver circulação de vírus com grande quantidade de pessoas suscetíveis.


Nesta semana foi divulgado o aparecimento da dengue tipo 4 na Bahia e no Piauí. Há ainda registros em Roraima, Amazonas e Pará. Fazia 28 anos que esse subtipo não era observado no País.

Japoneses criam espermatozoides em laboratório

Pesquisadores da Universidade de Yokohama acreditam que, no futuro, técnica pode auxiliar no tratamento da infertilidade em homens

Estadão.com.br

Pesquisadores japoneses conseguiram criar em laboratório os primeiros espermatozoides de animais mamíferos.

A técnica, publicada na edição desta quarta-feira, 23, da Nature, era dada até então como impossível. Os cientistas acreditam que a descoberta pode ajudar a revelar como se dá a formação dos espermatozoides e, no futuro, auxiliar no tratamento da infertilidade em homens.

Takehiko Ogawa e seus colegas da Universidade de Yokohama descobriram que a chave para a obtenção dos espermatozoides através da meiose estava em uma simples mudança das condições de cultura.

"O relatório é muito emocionante, pois representa o cumprimento de uma meta defendida por muitos biólogos durante muitos

Aécio quer Serra como "rainha da Inglaterra" do PSDB.

Aécio Neves, vulgo "Mudinho de Minas", está propondo a criação de um Conselho Superior no partido. Uma instância que seria formada por líderes da sigla, sem funções administrativas, para discutir a atuação nacional da legenda. É ali que o mineiro esperto gostaria de ver José Serra. Com todas as pompas, mas sem poder. Pura conversa fiada. O lugar combina mais com Sérgio Guerra que, na prática, no reino tucano, poderia ser chamado de Sérgio Paz, tal a sua falta de combatividade.

PT quer acabar com o fator previdenciário. Oposição não apresenta proposta óbvia para melhorar a vida dos aposentados.

Novamente, vem para a mídia o fim do fator previdenciário, que foi demonizado pelo PT, com toda a razão. É uma criação de Fernando Henrique Cardoso. Esta sim, uma maldade que não deu certo. Nas entrelinhas de uma matéria na Folha de São Paulo, está a notícia que o nosso jornalismo tosco não vê, pois praticamente publica textos prontos vindos das assessorias de imprensa. Sabem quanto o fator previdenciário representou de economia em 11 anos? Apenas R$ 15 bilhões. Uma merreca de pouco menos de R$ 1,4 bilhão por ano. Agora sabem quanto é o deficit anual da previdência privada? R$ 42 bilhões! O que significa que o fator previdenciário representa pouco mais de 3% do suposto buraco, pois existem estudos que afirmam que não existe deficit.


O PT, junto com a CUT, está propondo que tudo seja simplificado para a fórmula 85/95. Homem com 60 anos e 35 anos de contribuição receberia aposentadoria integral. Mulher com 50 anos e o mesmo tempo de serviço, idem. Não vai mudar muita coisa. O que a oposição pífia que temos deveria fazer? Incluir a obrigatoriedade de correção anual das aposentadorias pela inflação. Tão simples assim. E exigir que o governo recomponha as perdas, concedendo a inflação que roubou dos aposentados, nos últimos 11 anos. Não precisa recompor tudo de uma vez, mas recomponha. Há centenas de milhares de aposentados que ganhavam 5 salários mínimos quando se aposentaram e hoje recebem apenas três. Um roubo descarado. Uma verdadeira chaga social. A oposição não está atrás de bandeiras? Esta é solução simples, simpática e justa. E corrige uma das maiores discriminações do país, muito maior do que racismo e homofobia: a diferenciação entre o trabalhador da iniciativa privada e o funcionário público, como se o último fosse mais competente e mais brasileiro do que o primeiro.

Lula ganha "land rover" blindada do empresário da "vaca louca".

Lula não faz palestra sem cachê. Mas também aceita permuta. Ao ser "homenageado" pela colônia árabe, recebeu de presente um carro do libanês Youssef Chataoui, empresário que veio para o Brasil após ser preso e acusado de se envolver na disseminação da doença da "vaca louca" na França, em 2001, por importação ilegal de insumos contaminados. Dizem que é uma flamante Land Rover blindada. Igualzinha àquela do Silvinho, mensaleiro do PT. O presente saiu em nome da empresa do "brimo", a Agrostar, com direito à foto da entrega das chaves. Para não pagar imposto, Lula está registrando a "doação" para o Instituto Cidadania.

quinta-feira, 24 de março de 2011

Blog de Magno Martins reproduz postagem nossa sobre tempo de rádio do PMDB

O blog mais acessado e lido de Pernambuco, do jornalista Magno Martins, reproduziu postagem nossa, dando o devido crédito.
Magno, como os pernambucanos já conhecem, é um jornalista que usa as ferramentas da modernidade sem nunca deixar de correr atrás da notícia, como antigamente. Bem diferente de outros que se contentam com os 'pratos feitos' dos palácios e gabinetes parlamentares. Por isso, mantém a dianteira em acessos e comentários no seu blog de notícias.
Quem ainda não leu, chega lá clicando aqui:http://www.blogdomagno.com.br/
Postagem das 13:15 de hoje.

Wolney mostra serviço

O deputado Wolney Queiroz marca posição como deputado votado em Araripina. Acaba de conseguir duas creches para este município. Cada uma no valor de 1,31 milhão de Reais. Faltam marcar presença outros bem votados, como Ana Arraes, Gonzaga Patriota e Corte Real, todos ligados ao governo Dilma e a Eduardo Campos. Também faltam chegar com dinheiro os senadores Armando Monteiro e Humberto Costa. Porque de conversa nós estamos cheios.

Houve quem duvidasse da audência coletiva de prefeitos no Palácio do Planalto. Por isso, fomos ao site da presidência para obter informações oficiais. Realmente, 419 prefeitos estarão em Brasília para assinar termo de compromisso visando a construção de creches. Segue a agenda da presidente Dilma para o dia de hoje:

Presidência da República
AGENDA DA SENHORA PRESIDENTA DA REPÚBLICA


Quinta-feira
24 de março de 2011


09h30 - Despacho interno
Palácio do Planalto

11h - Cerimônia de assinatura de termos de compromisso para
construção de 718 creches do PAC 2 em 419 municípios e de
entrega de novas unidades do ProInfância

Salão Nobre

15h - Reunião do Conselho Político
Sala Reunião Suprema

17h - Alexandre Padilha
Ministro da Saúde
Sala de Reuniões

CONSIDERAÇÕES
Como se pode ler, a presidenta está criando factóides no momento. São 419 termos de compromisso. Não se trata de liberação efetiva de recursos, e sim "termo de comporomisso'. Isto implica dizer que os prefeitos serão chamados a comprar e doar terrenos para a construção das creches, dentro de padrões definidos pelo governo federal, padões que envolvem localização adequaquada(livre de enchentes, longe de estradas movimentadas e de barreiras naturais, como riachos e peto do público alvo), tamanho, relevo, etc.
Por outro lado, não sendo verba da educação, exigirá também regularidade do CAUC. A menos que alguma medida presidencial revogue as exigências previstas na LRF.

Esgoto 10 x Buraco 10 x Planejamento Zero

Antes de postar uma "Propraganda" de Inaldo Sampaio, vamos fazer um comentário chato para todos nós que não aguentamos mais o excesso de buraco e a falta de planejamento.
Todos sabem que as obras da Compesa se arrastam e que a cidade de Araripina é uma táboa de pirulito, tendendo a se transformar num buraco só. Tudo por falta de planejamento. Sabendo que as obras de esgotamento sanitário eram obrigatórias, por se tratar de compromisso formal para viabilizar a transposição do São Francisco (revitalização da bacia), o senhor Eduardo Campos achou de quebrar as ruas, duas vezes, no mesmo ano, para duas obras de sua responsabilidade. Quebrou para trocar tubulação de água e vai quebrar para mudar a tubulação de esgoto.
Existe planejamento nisso? Só se for planejamento para encarecer, para aborrecer e para aumentar 'satisfação' dos políticos e empreiteiras. Porque as ruas serão quebradas duas vezes no mesmo lugar e refeitas duas vezes, também nos mesmos lugares. Dá para raciocinar e concluir de outra forma?

Agora a 'propaganda' de Inaldo Sampaio:
"Cobertura – Com recursos da Codesvasf, que publicou o edital de licitação na última 3ª feira no Diário Oficial da União, Ouricuri e Araripina terão 100% dos seus perímetros urbanos saneados. A obra custará R$ 62,5 milhões e a abertura dos envelopes ocorrerá no próximo dia 25/04".

Cabe perguntar: Quantos pais de esgoto surgirão até a inauguração da obra?
E quantos pais do custo de tratamento do esgoto surgirão, quando a Lagoa de Tratamento entrar em operação?

Montado no bobe

O prefeito Lula Sampaio anda falando muito, recentemente. Já disse de quase tudo. Até que em Araripina só não trabalha quem não quer, como se isso não fosse uma regra universal, e como se político fosse autorizado a dizer tudo que sabe ou tudo que quer.
Lula também já disse na plenária do "Todos por Pernambuco" que se afastou do povo por dois anos. Só não disse que está apostando suas fichas no sucesso do Bodo do Araripe. Ao responder pergunta do jornalista Martinho Filho, da Rádio Arari, o prefeito de Araripina confidenciou que só afirma que será candidato à reeleição (ou não) em 2012.
Ou seja: Lula não quis assumir que está montado no Bode. Se ele correr para 2012 o prefeito vai no embalo, engarupado. Se o Bode emperrar, ele senta na moita e aguarda uma disputa mais suave, de deputado estadual, podendo para isto escolher um partido menor, pelo qual se eleja com 15 a 20 mil votos. Ontem o Bode empatou. Por isto, Lula ficou onde estava durante toda semana.
É uma aposta arriscada. Mas como em todo jogo, é uma aposta. Já imaginou o Valmirzão lotado no ano que vem, na véspera da eleição, com as duas torcidas eleitorais se manifestando?
Olé!

A prefeitura de Recife e o futuro governador de Pernambuco

Duas alternativas estão postas para João Paulo: ser candidato a prefeito da capital pelo PTB e em seguida apoiar Armando Monteiro para governador; ser candidato pelo PMBD, com um vice ligado a Jarbas, e em 2014 se desligar da prefeitura para disputar o Palácio do Campo das Princesas. Ou seja: se quiser encerrar a carreira como prefeito de Recife, João Paulo se filia ao PTB para viabilizar a eleição de Monteiro Neto. Se quiser ser governador de Pernambuco, entra no PMDB de Jarbas.
Se ficar onde está, o PT, corre o risco de morrer como deputado federal. Ou nem isso, pois se o PT conseguir aprovar o voto em lista fechada, ele pula para o rabo da gata no partido.
Em suma: João Paulo não depende de nenhum político para voltar à prefeitura de Recife, mas só chegará ao governo se romper com seus atuais aliados, pois todos o detestam.

Leitores ilustres do blog

Não é novidade que o Blog Meu Araripe é lido pelo governador de Pernambuco. É 'prato matinal', servido como única voz não captada pelos 'vaqueiros' palacianos. A assessoria de Dudu já está de saco cheio de ler tantas bajulações da tropa de choque da imprensa chapa branca. Alguns têm mais apreço pelo Meu Araripe, que não esconde a verdade e as falhas do atual governo. Temos boas fontes de informações por lá.

Por outro lado, somos lidos diariamente também do outro lado, o lado de Jarbas. Nosso blog está na lista de favoritos das duas turmas de assessores.
Também nos adicionaram como favoritos as turmas de Armando Monteiro e de Humberto Costa. Estamos como tiririca de brejo, penetrando em tudo quanto é terreno.
Pelo visto, João Paulo não quer ser governador de Pernambuco. Sem começar a marcar posição para gerar notícias, e assim adicionar Meu Araripe aos favoritos (que têm liberdade para furar o cerco do Palácio) jamais será favorito à corrida sucessória de Eduardo Campos. É condição sine qua non. Fernando Bezerra ainda não é visto no retrovisor, embora seja o preferido de Eduardo Campos.

PMDB: Pé nas estradas do Sertão

Jarbas Vasconcelos ordenou que o diretório do PMDB corra o estado para manter laços estreitos com os diretórios municipais. Na falta de ministérios e secretarias estaduais para abrir portas, o partido decidiu abrir espaço nas emissoras de rádio. Está decidido que o horário de rádio será dos membros das executivas municipais.
Ontem, estiveram em Araripina, Ouricuri, Salgueiro e outras cidades sertanejas a dupla Otávio e Carlos Veras, com ofícios assinados pelo presidente da sigla Dorany Sampaio, informando da decisão de utilização das inserções pelos políticos da terra.
As inserções ocorrerão em abril (13 e 15), em maio, agosto e setembro. Tempo estratégico e suficiente para fortalecer o partido na formação de suas chapas de vereador e de candidatos a prefeito, onde houver.
Em Araripina, o PMDB marchará com Valmir Filho, candidato a prefeito pelo PR. Contudo, lançará chapa forte para vereador, com candidatos de potencial entre 400 e 600 votos, na expectativa de conquistar quatro cadeiras em 2012. A procura está sendo grande. Muita gente nova está querendo entrar na política para disputar mandato de vereador e assim chegar ao poder.

Doença do século passado volta no governo Dilma

Depois de 20 anos, a herança maldita da "saúde quase perfeita" do PT: o tipo 4 da dengue. A maior parte da população brasileira pode pegar dengue de novo. Espalhou-se por todo o Brasil. É uma vergonha.

Índio deixa o DEM. Quem apagará a luz do diretório?

O ex-deputado Indio da Costa, que concorreu a vice-presidente na chapa de José Serra (PSDB) nas eleições de 2010, comunicou esta noite à direção do DEM que deixará o partido. O pedido de desfiliação será entregue amanhã. Indio almoçou hoje com o prefeito Gilberto Kassab, em São Paulo. A expectativa é que ele assuma a estruturação do PSD no Rio de Janeiro, seu berço político. Determinado a concorrer à prefeitura da capital fluminense, Indio entrou em choque com ala do DEM comandada pelo ex-prefeito Cesar Maia e seu filho, o deputado Rodrigo Maia, ex-presidente da sigla. Cesar pretende viabilizar a candidatura do filho para o cargo que Indio almeja disputar, em acordo com Garotinho, cuja filha seria a cabeça de chapa.
Postado por O EDITOR às 00:38:00 6 comentários
quarta-feira, 23 de março de 2011

Passaportes corporativos

Amante de deputado e de desembargador, namoradinho de ministro, blogueiro chapa-branca, cabelereiro, filharada em geral, todos os portadores dos passaportes corporativos vão continuar na clandestinidade gostosa que os diferencia dos brasileiros comuns, assim identificados. Não existem casos assim entre os felizes contemplados? Não sabemos, não vimos, podemos achar que tem até traficante de drogas e doleiro na relação. Ou não haveria motivos para tanto segredo. A 1ª seção do STJ (Superior Tribunal de Justiça) negou liminar à Folha que pedia acesso à lista com os nomes dos beneficiados com a concessão de passaportes diplomáticos em caráter excepcional de 2006 a 2010. A decisão informa não haver prejuízo caso a lista seja concedida somente no final da análise da ação, "já que a informação poderá ser veiculada na imprensa a qualquer tempo". Agora é só a Justiça demorar quatro ou cinco anos para julgar o caso e tudo será esquecido.

quarta-feira, 23 de março de 2011

Pergunta aos amigos leitores de Portugal: Quem receberá Dilma?

Dilma agendou viagem para Portugal certa de que seria recebida pelo primeiro-ministro José Sócrates. Este, em mar de tubarões, engolido pelos problemas econômicos do País, renunciou.
Surpresa, mal assessorada e sem serviço de inteligência sequer para tarefa tão simples quanto prever uma renúncia no país a ser visitado, Dilma apresentou sua grande dúvida: "E agora, quem irá me receber?"
Com a palavra, meus amigos leitores de Portugal. Camões? Ela está sendo mesmo tão ansiosamente aguardada por aí?
Acredito que os portugueses vão aproveitar a oportunidade para reverter a desvantagem no quesito 'piada de português'. Resta torcer para que os leitores do blog que moram lá não paguem o pato pelo Itamaraty com a produção de 'piada de brasileiro'.

Via Mangue já está no papel. Difícil é sair dele.

Queiroz Galvão apresenta menor preço para obras da Via Mangue: R$ 319 milhões

A Empresa de Urbanização do Recife (URB) realizou, na manhã desta quarta-feira (23), a abertura dos envelopes com as propostas de preços das empresas habilitadas no processo licitatório para a construção da Via Mangue. Entre as empresas habilitadas, a que apresentou o menor preço foi a Queiroz Galvão. A construtora pede R$ 319.842.589,38 para executar a obra do sistema viário.

As propostas apresentadas passarão pela análise da URB, que após a verificação, publicará oficialmente o resultado da licitação, com o nome da empresa vencedora, no Diário Oficial.

Participaram também as construtoras Mendes Júnior (R$ 325.516.664,44), Camargo Correa (R$ 361.335.475,65) e Odebrecht (R$ 388.487.870,04).

Os envelopes deveriam ter sido abertos na última sexta-feira (18), por orientação do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE). A obra estava estimada pela URB em R$ 418.240.635,66. O TCE emitiu medida cautelar determinando a redução dos preços. O parecer da conselheira Teresa Duere foi referendado pelo Pleno do Tribunal

Brasil paga caro a conta do poste

Nos 80 primeiros dias de governo Dilma Rousseff, o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) só se comprometeu a gastar 2,1% das despesas autorizadas por lei para 2011. Dono do maior orçamento do PAC, o Ministério das Cidades foi um dos que menos avançaram. Segundo o Estadão, 0,9% dos gastos autorizados foram objeto dos chamados empenhos, que correspondem ao primeiro passo no processo de gastos.

Parte da lentidão no ritmo dos investimentos se explica pelo volume de contas pendentes deixadas pelo governo Luiz Inácio Lula da Silva, quando Dilma Rousseff coordenava o PAC. Até segunda-feira, 99,8% dos pagamentos feitos do PAC eram contas deixadas por Lula. E ainda há por pagar uma conta quase seis vezes maior: R$ 28,2 bilhões, só do Programa de Aceleração do Crescimento. Os dados foram consultados no Siafi, sistema que registra os gastos da União, pela ONG Contas Abertas. (do Blog de Magno)

Lei da Ficha Limpa não vale para 2010

Infelizmente, é o princípio da anterioridade. Em nome da segurança jurídica pelo fato de que "no ano em que a lei entra em vigor, não pode ela alterar qualquer fase do processo eleitoral", Luiz Fux, o recém nomeado ministro do STF, acaba de desempatar a votação: Lei da Ficha Limpa só vale para 2012.

Aécio estréia com pequeno aparte.

Ungido como o grande condutor da oposição no Senado, Aécio Neves (PSDB-MG) não havia dito a que vinha. Até o dia de hoje, não havia subido à tribuna para defender absolutamente nada. Havia entrado mudo e saído calado, durante estes dois primeiros meses da legislatura.

Hoje José Serra (PSDB-SP) foi ao Senado, para uma reunião das principais lideranças do partido. Foi duro ao analisar a interferência do governo federal na Vale, com um trabalho orquestrado para derrubar o seu presidente, Roger Agnelli, lá colocando algum petralha para fazer a empresa brasileira de maior sucesso no mercado internacional construir siderúrgica para o Sarney, no Maranhão, orientando os seus investimentos para objetivos eleitoreiros.


O ex-governador de São Paulo disse que a "burguesia do Estado petista" está se expandindo para "aparelhar a maior empresa privada do país" "O governo decide, portanto é o governo quem vai dirigir a empresa. Decide tirar e decide quem põe. É um fenômeno antigo, já tem alguns anos, mas é fenômeno presente: a burguesia estatal presente que prospera nos últimos anos", afirmou.


Como a Vale tem origem e grande parte dos seus negócios em Minas Gerais e como Serra fez o papel que deveria ser cumprido por ele, Aécio Neves foi obrigado a manifestar sua opinião, em aparte ao senador Demóstenes Torres (DEM-GO). Mostrou-se favorável à convocação de Guido Mantega, ministro da Fazenda, para explicar a sua interferência na empresa na Comissão de Assuntos Econômicos. Portanto, senhores e senhoras, fiquem tranquilos: o senador Aécio fala, mesmo que para isso tenha que ser atropelado pelos fatos.
Postado por O EDITOR às 19:26:00 0 comentários

"Moreno escuro": Por isso, perdem sempre.

O deputado Júlio Campos (DEM-MT) se referiu ontem ao ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa, primeiro ministro negro da corte, como "moreno escuro", durante reunião da bancada do seu partido. O deputado defendia a prisão especial para autoridades quando disse que processos podem cair nas mãos "do moreno escuro do Supremo". O fim da prisão especial é parte da reforma do Código de Processo Penal. O deputado ACM Neto (BA), que conduzia a reunião, afirmou que não entendeu como preconceito. Outros deputados presentes, porém, reclamaram da frase. Em nota, Campos afirmou que usou a expressão "por não lembrar naquele momento o nome do magistrado". Segundo ele, não houve intenção de "desmerecer" o ministro. Campos informou ainda que enviou desculpas ao ministro. (Da Folha de São Paulo)
Esse tipo de 'frase infeliz' propositadamente pronunciada é que acaba com as chances do DEM na política brasileira. Gente arrogante e prepotente com microfone à disposição sempre mostra o que de fato é e representa. Está na hora de Serra se afastar desse povo do DEM, sob pena de não ter chance alguma na política nacional. Pensando bem, Kassab está mais do que certo em criar seu próprio partido.

Fim das coligações e uma 'morte' coletiva anunciada

A Comissão de Reforma Política do Senado aprovou o fim das coligações. Um tombo e tanto nos vereadores e deputados que se elegeram solitários por partidos que integraram coligações partidárias nas eleições de 2008 e 2010. Ficarão sem calda. Se não houver uma janela da infidelidade, muitos ficarão sem chances de vitória e sequer serão candidatos nas próximas eleições.
Agora é ver para onde partirão em bloco os tubarões da política de Araripina. Com certeza, a calda estará em outras siglas. Alguns 'tubarões', se fingindo de mortos para atrair vítimas, já estão espalhando que não serão candidatos. 'Vai comendo, Raimundo!', debocha um pré-candidato a vereador pela oposição.


Quadro partidário em Araripina
Cada vereador eleito em 2008 está num partido diferente em Araripina. É a maior fragmentação de todos os tempos. Confira:
1) Leonardo Farias Batista (PMN)
2) Maria Augusta (PP)
3) Evilásio Matheus (PDT)
4) Boba Sampaio (PTB)
5) Carlos Pracheles (PT)
6) Severino Lacerda (PV)
7) Zé Bolacha (PSDB)
8) João Dias (PSC)
9) Edvaldo (PR)
10) Luciano Capitão (PSL)
Provavelmente, apenas Boba Sampaio e Edvaldo permanecerão em seus respectivos partidos. O primeiro porque é irmão do prefeito e atrairá outros candidatos para fortalecer o PTB. Edvaldo, por sua vez, está no partido do candidato de oposição, Valmir Filho, cuja meta é formar uma chapa forte e eleger entre 6 e 9 vereadores com o voto dos descontentes.
O PMDB deverá ser o caminho dos pré-candidatos com densidade eleitoral entre 400 e 600 votos, que transitam pela oposição e pretendem se eleger com o voto de protesto e com o voto de formadores de opinião mais esclarecidos. A sigla dispõe do maior tempo de rádio e deverá se beneficiar ainda com a aprovação do financiamento público de campanha, por ser a maior bancada do Congresso Nacional. O PMDB é, portanto, a jóia da coroa e a noiva cobiçada do momento.


Todos da prefeitura no PTB de Lula Sampaio
Uma coisa está clara e de setembro não passa. Quem está com emprego ou vínculo na prefeitura entrará no partido de Lula Sampaio, o PTB. É por esta sigla que tentarão a sorte em 2012. E é por portar a chave do cofre que Lula manterá um pelotão avançado de candidatos a vereador e outro de candidatos a calda ao seu lado. Todos no PTB, para não fugir ao controle, como na época de Valdeir Batista.

Esse é o Roberto Jefferson

O PTB pretende provar que comprou três letras do alfabeto: o P, o S e o D. Quer impedir o uso da sigla PSD pelo novo partido criado por Gilberto Kassab, tendo em vista que incorporou o antigo PSD em 2003. Ora, se incorporou, o PSD não existe mais. Pode ser usado por quem entender. Esse é o Roberto Jefferson, que nunca perde a oportunidade de aparecer. Getúlio Vargas não merecia uma cria dessas no partido que criou.

terça-feira, 22 de março de 2011

Estamos nas Arábias: O menor e mais inútil estádio da Copa vai custar R$ 1,3 bilhão.

Arena será utilizada por apenas sete dias. Depois, o América de Natal, de torcida menor que a do bode, ficará encarregado de justificar o gasto bilioário. É vergonhoso morar num País desse.
O governo do Rio Grande do Norte, governado por Rosalba Ciarline(DEM), que tem no senado José Agripino, presidente recém eleito do Democratas, sua 'cacimba' de inspiração, vai pagar R$ 1,3 bilhão à empresa OAS para a construção e gestão do Estádio das Dunas, palco que representará Natal na Copa do Mundo. Os detalhes da negociação foram apresentados no último dia 16 pelo governo durante audiência na Assembleia Legislativa potiguar. A conta é a seguinte: nos primeiros 11 anos, contados a partir da conclusão da obra, o estado arca com parcelas fixas mensais de R$ 9 milhões. Nos três anos seguintes, serão mais R$ 2,7 milhões por mês. Nos último triênio do contrato, a OAS receberá parcelas mensais de R$ 90 mil.
Uma coisa a gente pode ter certeza: a campanha à releição de Rosalba já tem dinheiro garantido. Com sobras para comprar até o mais ferrenho oposisitor à venda.

Kátia Abreu assume liderança da minoria no Congresso.

Enquanto a imprensa mantém especulações sobre o futuro político da senadora Kátia Abreu (DEM-TO),ela acaba de ser escolhida como líder da minoria no Congresso. "Recebo esta nova missão com determinação e muita vontade de ajudar o Brasil e o meu estado, o Tocantins", afirmou a senadora. "Minha prioridade será apresentar as razões e os argumentos das pessoas, dos que trabalham, produzem, pagam impostos e fazem do Brasil o grande país que ele é", completou.
A liderança da minoria é uma conquista importante para uma das raras personagens da cena política que mantém um alto índice de credibilidade, acima das brigas partidárias. Kátia Abreu passa a representar, de forma institucional, o PSDB, PPS e DEM. “Minha obrigação e minha responsabilidade é trabalhar para que as pessoas tenham uma vida melhor e sei que isso só será possível porque contarei com a ajuda de todos os parlamentares dos partidos que formam a minoria”, disse a nova líder. “Estou feliz e animada com este novo desafio, além de extremamente agradecida pela confiança que está sendo depositada no meu trabalho”, acrescentou.

Valmir Filho recebe PR de Inocêncio Oliveira. Médico será candidato a prefeito pelo partido e deputado promete priorizar eleição de Araripina.


Inocêncio Oliveira é um dos deputados mais influentes do Congresso Nacional e prestigiado interlocutor do governador Eduardo Campos. Em recente encontro com o médico Valmir Filho, a quem entregou o comando do PR em Araripina, nesta segunda-feira, dia 21 de março, Inocêncio prometeu apoio irrestrito à campanha do médico, que aspira ser o próximo prefeito, indo mais além: "Vou procurar o governador para que esta candidatura tenha tratamento de aliado e que a futura gestão receba os recursos para solucionar os principais problemas enfrentados pelo município", assegurou o parlamentar, que preside o PR em Pernambuco.
Inocêncio Oliveira conhece o caminho das verbas em Brasília e pretende alavancar Araripina a partir de uma esperada eleição de seu coreligionário. Valmir Filho já lhe repassou uma lista de obras prioritárias que pretende executar a partir de 2013, case seja eleito. "O apoio do Palácio é de fundamental importância", ponderou o araripinse, que acrescentou: "Vamos procurar Eduardo Campos para juntos resolvermos os principais problemas que afligem nossa população. Araripina vai se impor como cidade pólo e a parceria entre Estado e município será fundamental. Sou defensou do entendimento. Araripina precisa se entender com o Palácio e com Brasília para atingir seus objetivos", finalizou o médico e pré-candidato a prefeito.
Sobre futuras alianças, Valmir Filho foi incisivo: "Araripina precisa de entendimento. Vou buscá-lo, procurando as lideranças políticas e todos os movimentos de classe e de base. Se depender de diálogo, o arco de aliança será amplo", resumiu.

Inveja de Michelle Obama teria influenciado duas apresentações de capoeira

Pessoas maldosas de Brasília e do Rio de Janeiro andam espalhando que a decisão de fazer duas apresentações de capoeira, uma na capital federal e outra no Rio, para recepcionar o casal Obama partiu da Ministra da Cultura, Ana de Holanda, uma branquela de olhos verdes que sente profunda inveja da beleza e da cultura superior da primeira-dama americana. Teria sido uma forma de lembrar a origem genética do belo casal. Nem precisava: eles se sentem e se declaram negros sempre que podem. Nunca escondem isso, até porque usaram a cor da pele pra conquistar o poder.
Michelle deu uma estocada em Brasília. Deixou claro que somente a educação leva a algum lugar de destaque. Disse isso quando percebeu a exagerada repetição dos movimentos da dança de capoeira que lhe apresentavam. Algo que, a qualquer pessoa exigente, logo traz cansaço e inquietação pela falta de criatividade. Ela está acostumada com criações mais modernas, que exigem mais neurônio da plateia.

Saúde: política ameaça novamente as melhorias prometidas

O prefeito Lula Sampaio acaba de conceder entrevista na Rádio Arari. Assim como fizeram 11 em cada 10 políticos locais, tentou se beneficiar da vinda quase improdutiva do governador a Araripina. Mas isto não é problema, é desperdício de tempo e energia sem retorno garantido. Problema dele e dos demais.
O que passou a preocupar foi uma afirmação do prefeito de que vai pulverizar a pouca verba da saúde contratando especialistas para atender na Casa de Saúde, uma empresa privada - nem pública e nem filantrópica. Além de impedido por lei, já que não pode aplicar os recursos do SUS em beneficípio financeiro nem político de grupos privados, a pomessa não se aplicará na prática por um simples motivo: a Atenção Básica prevista pelo SUS tem um teto para gastos. Especialista custa caro e a consulta é demorada, o que só servirá para ampliar a fila nos hospitais que se abrem ao público. E risco de calote não planejado também. Dificuldade de encontrar profissionais dispostos a correr riscos já deve estar em seus cálculos.
Aparentemente, o prefeito ainda não participou das reuniões do Conselho Municipal de Saúde nem tem informações da postura do Conselho Estadual. Do contrário, saberia que sua vontade de atender a demandas particulares e de parentes ou afins esbarra na Lei e na realidade. Ademais, bastará consultar seu Departamento Jurídico para descobrir que levar à diante sua decisão é garantia de ações por improbridade administrativa e obrigação de ressarcir o terouro municipal mais adiante. Se é dor de cabeça que procura, e não de solução para parte dos problemas, ir em frente é questão de opção. A menos que a Casa de Saúde tenha retornado ao controle da prefeitura.
Lula Sampaio preserva ainda intacta uma característica: confundir vontade com possibilidade. E outra: de não ouvir o setor técnico antes de jogar para a platéia assuntos caros ao interesse do cidadão. Se ouvisse o seu juríridico saberia perfeitamente que não pode gastar dinheiro da atenção básica onde e como prometeu. Se ouvisse os conselheiros políticos, prometeria mais médicos e fim das filas no Posto de Saúde, onde qualquer melhora resutaria em popularidade e votos. E nehum problema ou embaraço.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Da série "Como transferir a culpa para um só"

Palácio tenta culpar apenas Lula Sampaio pelos males causados a Araripina.
A saúde de Araripina está um caos e o maior culpado é Eduardo Campos, que transferiu a gestão para um consórcio; A perimetral é do estado e está um queijo suíço; o governador barrou a vinda da Companhia Independente do Polícia, do Corpo de Bombeiros, da água para a Fecularia; deixou de desitnar recursos para concluir a Avenida de Acesso; não fez as estradas que prometeu para Lagoa do Barro e Rancharia; não eletrificou um só sítio; deixa faltar água nas torneiras e luz nos postes. Eduardo Campos veio a Araripina e levou na lata da população. Achou que silenciando os políticos estava livre de protestos. Descobriu tarde que o povo de Araripina não se entrega.
Aí chega um jornalista encabrestado, fazendo o jogo do palácio, querendo transferir para o prefeito Lula Sampaio tudo de ruim que existe na gestão do neto de Arraes. Os problemas de Lula são outros, também muito graves, que vão dos buracos nas ruas aos buracos das estradas rurais, e toda a precariedade dos serviços públicos.
Contudo, não há jornalista desavisado que consiga tirar da cabeça do povo que Eduardo Campos está perseguindo Araripina.
Leia abaixo mais uma leva de lenha colocada no "fogo amigo" que o Palácio acendeu para queimar o prefeito de Araripina, visando aplicar aquele golpe que você já sabe que muitos sonham dia e noite.
Antes de republicar a 'malandragem' da imprensa da capital, vou revelar o que ouvi a poucas horas: Estão tentanto desestabilizar o prefeito de Araripina para justificar sua derrubada. Não há um só deputado da base de Eduardo Campos que não esteja encarregado de criar embaraços ao prefeito Lula nas instâncias superiores dos órgãos de controle.

Do Blog de Magno Martins:

Giro pelo Interior: prefeito de Araripina enfrenta crise
"O desgaste e a crise de imagem que o prefeito de Araripina, Lula Sampaio, está enfrentando é algo bem claro e evidente, é o que informa a blogueira Elba Galindo. Na plenária do seminário Todos por Pernambuco, realizada em Araripina na última sexta-feira (18), o prefeito afirmou perante o grande público que esteve distante do povo, mas que, a partir de agora, iria seguir o exemplo de Eduardo Campos, no seu entender, em sintonia com a população.

Mas não foi apenas esta gafe que Lula Sampaio cometeu. Após ouvir inúmeras reivindicações da população do município durante o seminário, o prefeito disse: “não sabia de tantas reivindicações da população. Quero uma cópia, governador. Araripina vai voltar a ser uma cidade altamente reconhecida no Araripe.” Após uma série de episódios comprometendo sua gestão, e além dela, seu secretariado, Lula Sampaio parece mesmo estar enfrentando um período político delicado".



Veja agora o que o blog da capital não reproduziu, para não contrariar o Príncipe

Nem tudo são flores. Apesar da boa receptividade que milhares de pessoas tiveram para com Eduardo Campos em sua visita a Araripina na última sexta-feira (18), o governador se deparou novamente com vários estudantes da Faculdade de Ciências Agrárias de Araripina (Faciagra), solicitando urgência na estadualização da faculdade.

Esta é uma reivindicação antiga dos estudantes, que reclamam dos valores cobrados pela faculdade e da sua infraestrutura. Quando Eduardo Campos deixava o Centro Tecnológico do Araripe, os estudantes bloquearam sua passagem para solicitar soluções ao governador, que acompanhado pelo secretário de Eduacação do Estado, Anderson Gomes, ouviram as inúmeras reclamações.

Os estudantes esperam ser atendidos dessa vez, pois afirmam que isso já não é novidade para o governador, que ouviu as mesmas reclamações no ano passado.

Dilma corta mais 577 milhões do orçamento.

O governo ampliou o corte no Orçamento de 2011 em R$ 577 milhões, elevando o ajuste para R$ 50,7 bilhões ante R$ 50,1 bilhões estimados anteriormente para este ano. As mudanças estão no Relatório Bimestral de Receitas e Despesas encaminhado ao Congresso Nacional pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Segundo nota divulgada pelo ministério, o novo ajuste é resultado de alterações em parâmetros macroeconômicos, do comportamento da arrecadação no mês de fevereiro e da previsão de reajuste da tabela do Imposto de Renda em 4,5%.

O Ministério do Planejamento informou ainda que a receita total foi reduzida em R$ 1,2 bilhão em decorrência da diminuição da previsão de arrecadação nos recursos administrados pela Receita Federal em R$ 511,7 milhões, da diminuição da projeção de pagamento de dividendos pelas empresas estatais em R$ 577,1 milhões e da redução de R$ 116,4 milhões na expectativa de arrecadação de outras receitas

Para Petrolina, tudo. Para o Pólo Gessiero, só promessas.

Leia abaixo essa postagem de um blog ligado ao governador de Pernambuco. Veja que para Petrolina, tudo. Para o Pólo Gesseiro, que precisa de estradas ligando rodovias às minas, nada.

Até 2012, Codevasf promete pavimentar 96 km de estradas rurais em Petrolina
Escrito por Inaldo Sampaio

Segundo a assessoria de comunicação da Codevasf, no período de quatro anos o órgão pavimentará 75 km de estradas rurais em Petrolina, totalizando R$ 30 milhões.

As rodovias beneficiarão, principalmente, as comunidades vizinhas ao Projeto de irrigação Pontal, a exemplo de Uruás e Icozeiro. O novo trecho de estrada (de 14 km) a ser asfaltado vai ligar o povoado de Icozeiro à PE 634, que dá acesso à BR 407 (Petrolina – Picos/PI). A obra, no valor de R$ 9,5 milhões, é uma parceria da Codevasf com o Governo do Estado.

Na última sexta-feira (18), o superintendente da Codevasf em Pernambuco, Luís Frota, e o governador Eduardo Campos, entregaram à população 54 km de estradas rurais pavimentadas entre o Projeto Pontal, o Perímetro de Irrigação Senador Nilo Coelho e a Fazenda Timbaúba.

Esta fazenda, segundo a Codevasf, é uma das maiores empresas agrícolas do Vale do São Francisco, chegando a empregar seis mil pessoas durante a safra.